Conheça os principais tipos de marcas e escolha o seu

Está pensando em abrir um negócio? Veja nesse artigo todos os tipos de marcas e escolha o que mais se adequa ao seu projeto.

Tipos de Marcas

Todo tipo de produto ou serviço que consumimos na nossa rotina (desde refrigerante na geladeira até sua conta no banco) possuem uma marca. Elas são responsáveis não apenas por movimentar a economia em nosso país como também para que os clientes identifiquem a empresa e esta se diferencie da concorrência. No entanto, quando o assunto é registrar, é necessário saber quais são os tipos de marcas e o que cada uma representa. Nesse artigo, revelaremos as diferenças entre elas para que você escolha a ideal para o seu negócio. Confira!

O que é uma marca e por que registrá-la?

Quando falamos em marca, a primeira coisa que vêm à cabeça é um produto ou serviço, certo? Esse é justamente o papel da marca: ser uma representação visual para identificação e distinção entre empresas, podendo ser um símbolo, uma figura, palavra ou qualquer outro sinal.

Portanto, vale afirmar que ela nada mais é do que a identidade da companhia perante ao mercado, diferenciando-a das outras e também servindo para que o cliente reconheça ao comprar ou contratar.

Algumas marcas como Adidas, Coca Cola, McDonalds e Apple, por exemplo, são extremamente valiosas no mercado. Apenas o registro delas vale mais do que o próprio patrimônio material.

Como seu propósito é garantir a exclusividade de algum produto ou serviço, é essencial que a marca seja registrada junto aos órgãos responsáveis. Assim, garante proteção legal contra cópias e plágios, além de se tornar um diferencial perante a concorrência.

Quais são os principais tipos de marcas?

Antes de optar por registrar uma marca, é necessário conhecer os tipos e definir qual será a sua. Isso porque, no momento de preenchimento do formulário, um dos itens é justamente esse. Confira abaixo quais são:

Nominativa

Nesse tipo de marca, não existem imagens, figuras ou símbolos, mas sim uma ou mais palavras, podendo incluir números e letras.

Nesse tipo de registro, o nome da marca é sua representação e sua principal vantagem é sua flexibilidade na utilização, mesmo com algum tipo de renovação do design.

Figurativa

Já a figurativa, como o próprio nome indica, é constituída apenas por imagens, figuras, desenhos ou símbolos. A Apple, por exemplo, utiliza da icônica maçã mordida para representar sua empresa.

Vale lembrar também que ao utilizar letras de outros alfabetos como árabe, chinês, japonês ou coreano, a marca também se enquadra como figurativa.

Mista

A marca mista, por sua vez, é formada por uma mistura de palavras e figuras ou símbolos, reunindo tanto as marcas figurativas quanto nominativas.

É o mais comum, pois protege não apenas o nome da marca como também o seu logotipo. Além disso, como possui duas opções de elementos, pode ser utilizada combinando palavra + ilustração ou apenas um de cada vez, dependendo de onde será aplicada.

Tridimensional

Por último, a marca tridimensional é o formato físico do produto que apresenta um design tão único que por si só é suficiente para a identificação da marca.

Alguns exemplos são o tablete de chocolate Toblerone, a garrafa de Yakult, o sabonete Dove e por aí vaí. Todos eles possuem uma aparência única que, mesmo sem rótulos, conseguem ser reconhecidos pelo público.

Como registrar um dos tipos de marcas?

Por ser um processo burocrático, o melhor é contar com uma empresa especialista e credenciada pelo Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) para fazer o registro de marca para você. Deste modo, você evita desgastes e, claro, poderá usar o seu tempo para outras tarefas.

Foi pensando nisso que Giovanni Castagna Neto, agente de propriedade industrial, criou a nossa marca: a GCN & Associados. Somos uma empresa com quase 10 anos de experiência, credenciada junto ao Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI) e certificada pela Organização Mundial de Propriedade Industrial (OMPI). Ou seja, somos a solução que você procura!

Entre os serviços que disponibilizamos, temos:

  • Registro de Marcas (Brasil e exterior);
  • Registro de Patentes (Brasil e exterior);
  • Desenho Industrial (Brasil e exterior);
  • Direitos Autorais;
  • Registro de Software;
  • Avaliação de Marca;
  • Assessoria Jurídica.

Para entender melhor sobre esses assuntos, acompanhe nosso blog. Mensalmente traremos notícias sobre o mercado e sobre como funcionam todos esses processos burocráticos.

Até o próximo artigo!

Artigos em destaque

Marca Nominativa

Marca Nominativa: o que é e como registrar

Existem muitas dúvidas na cabeça de empreendedor...

Artigos em destaque

Marca de Certificação (Foto: Farofa Magazine)

O que é Marca de Certificação?

Se você acompanha o nosso blog, já está ciente ...

Artigos em destaque

Marca de produto

Marca de Produto – A importância de proteger a sua criação

Marca e produto são termos que caminham juntos qu...

Artigos em destaque

Como pesquisar marcas

Como pesquisar marcas registradas

Empreender no Brasil é um verdadeiro desafio. Al...

Artigos em destaque

Marca Coletiva

Entenda o que é marca coletiva e como é feito seu registro

O fato da marca representar a identidade da empres...
Entre em contato e saiba como registar sua marca




    telefone